Conselhos de Saúde e Serviço Social: luta política e trabalho profissional

Maria Inês Souza Bravo, Rodriane de Oliveira Souza

Resumo


Este artigo tem por objetivo ressaltar as contribuições do profissional do Serviço Social no exercício do controle social na saúde, notadamente com relação aos conselhos de saúde. Nessa direção, ressalta as diversas concepções teóricas e políticas de “conselhos” e destaca os conteúdos ídeo-políticos e o trabalho do assistente social nesses espaços. Considera-se que junto aos mecanismos de controle social, principalmente os conselhos de saúde, esses profissionais podem ter uma dupla inserção: uma essencialmente política, quando interferem na condição de conselheiro, e outra que caracteriza uma atividade profissional, quando desenvolvem ações de assessoria aos conselhos ou a algum de seus segmentos (usuários, trabalhadores de saúde ou poder público).

Palavras-chave


Espaço público; Conselho de saúde; Serviço Social

Texto completo:

PDF


 

Licença Creative Commons
SER Social de Departamento de Serviço Social - Universidade de Brasília é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Unported.
Based on a work at seer.bce.unb.br.

ISSN 2178-8987 versão eletrônica           ISSN 1415-6946 versão impressa